segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Os Dias

Faltam dois dias para o ter aqui comigo, novamente. Já rebento de saudades, os meus poros já choram com a falta do seu calor e do seu toque. Duas semanas um sem o outro é, de resto, o nosso record absoluto.
No entanto, hoje acordei triste. Dormi pouco, acordei muito cedo, como se fosse trabalhar - é o meu cérebro já (já???) programado para as segundas feiras, certamente. Deixei-me ficar por duas horas na cama, a ler. E os meus pensamentos rodopiaram por todas as coisas que gostava de ter feito enquanto ele estivesse fora e não fiz: uma delas era a dieta. Não consigo, não tenho motivação nem forças; e o pior é que me refugiei na comida não-saudável para camuflar a saudade e a solidão. Não engordei, mas também não emagreci (quer dizer, emagreci 2 kg inicialmente mas recuperei-os). Ontem passei o fim do dia a vomitar, nem eu sei porquê, e hoje ainda não me sinto nada bem.

Outra coisa que gostava de ter feito, era encontrar uma casa para nós. Não encontrei. E é angustiante ver os preços que aqui nos cobram por casas minúsculas. No sábado percorri 40km até ao IkEa na Bélgica...pensava que ia lá perder horas a fio, como me acontecia no Ikea em Lisboa, mas fiquei meio desiludida com as dimensões: era consideravelmente mais pequeno. Mesmo assim, tinha uns artigos interessantes, daqueles que, se já tivéssemos casa, compraria certamente. Eu já tenho o estilo de decoração pensado. Já tenho os artigos escolhidos. Só falta mesmo o dinheiro suficiente e a casa onde os instalar.

Outra preocupação que me atormenta é a M.... A M. é a minha cadela, e a minha avó já não consegue tê-la lá...adora-a, mas andar constantemente a apanhar e aspirar pêlos já não é para a idade da velhinha, e eu compreendo. Também morro de saudades dela, e quero tê-la comigo, mas pensar que vai ser mais um habitante nesta casa tão pequena deixa-me angustiada. E eu sei que o M se vai passar com isso... só espero que encontremos uma solução rapidamente para nos mudarmos com ela, sem que esta angústia me consuma...

3 comentários:

MARIINHA disse...

Calma Heidi,
Logo logo quando ele chegar, matas as saudades e emocionalmente ficarás melhor porque juntos, já te será mais fácil fazer dieta como deve ser, assim não consegues, sabemos que não é fácil, depois vão certamente encontrar a vossa casa, a seguir poderás ir comprando as coisas para a tornar acolhedora, tudo a seu tempo, uma coisa de cada vez.
E vê lá isso dos vómitos, será por estares nervosa? Bjks

Alix disse...

é preciso é calma e tudo se resolve. as melhoras!

**

mari disse...

espero que tenhas recuperado ... e sorte**