domingo, 1 de janeiro de 2012

Um Feliz Ano

Eu sei que, para muitos, o ano que terminou há algumas horas não foi muito bom.
O meu, bem, não posso, de todo queixar-me. Mudei de vida, instalei-me, estabilizei-me em diversos sentidos, consegui alcançar alguns objectivos (não ganhei o euromilhões, o que é uma pena:P), cortei com algumas das situações e pessoas que simplesmente não me faziam bem, tive experiências novas, aproximei-me mais de quem me faz bem, reforcei laços. Dei passos que nunca pensei ser capaz de dar...e não me arrependo. De nada.

Agora, que 2012 chegou, só espero que seja pelo menos tão bom como o anterior, mas desejo sinceramente, que seja muito melhor, para mim e para todos.

PS: comecei o ano com dor de ouvidos - esta gente é louca!! O fogo de artifício vende-se em qualquer supermercado. As pessoas (centenas e centenas de pessoas) lançam morteiros, e diferentes tipos de fogo  (centenas e centenas) em qualquer lado, no meio da rua, no meio da multidão, no meio de praças...enfim, vim para casa um bocado surda, e (muito) assustada com isto que, para mim, foi uma autêntica novidade...(e ainda estou em choque!!!!!)

4 comentários:

Abiga disse...

BOM ANO!
espero k o meu, ao contrario do teu k correu benzinho, seja mto mto mto melhor do k o anterior...

Paula Romão disse...

Feliz Ano Novo!

:)

Dr.Owner disse...

E viva o desperdício de foguetes :D

mari disse...

e que 2012 te traga muitas coisinhas boas para recordar daqui a 365 dias ;)
**